Início Carros 6 Cilindros M3 TURBO – 980cv!

M3 TURBO – 980cv!

Compartilhar

M de Maldade

Quem nunca usou a expressão: “Deus não dá asa pra cobra”? Pois bem, estamos diante de uma cobra, que tem asa, voa alto e não tem juízo nenhum!

Melhor do que poder ter um carro forte é poder usá-lo sem nenhum pingo de dó, ainda mais quando estamos falando de uma BMW M3 turbo com saudáveis 980cv! Este carro pertence a Clodoaldo Oliva e anda pelas ruas de Curitiba/PR, no estilo piloto de fuga. O dia da maldade é todo dia, toda hora, o tempo todo.

Entre tantos carros que já conhecemos, podemos dizer que esta M3 1995 está entre os mais radicais que já andamos. Não pela cavalaria ou pela preparação, mas sim pela falta de juízo do “condutor” e de quanto este seis cilindros turbo aguenta porrada.

Com uma mecânica pouco explorada para estes níveis de potência, Oliva desde 2009 vem desenvolvendo a BM, iniciou com uma preparação de pouco mais de 500cv e há dois anos chegou a esta configuração. Montada por Jackson Lopes, conhecido como Negão, que acumula as funções de preparador, eletricista e tuner da máquina.

A sintonia entre Clodoaldo, Negão e a M3 Turbo, deu origem a Eurospeed Motorsport, oficina especializada em carros europeus, originais e preparados, reduto onde são domesticados os preciosos cavalos série M.

O todo poderoso seizão da BMW foi desenvolvido segundo o preparador, focando em manter os padrões originais, claro, buscando extrair o máximo de potência, mas sem mudar conceitos que originalmente o motor foi projetado. O virabrequim forjado possui novo curso que foi mantido em sigilo, os pistões são Wiseco (85,8mm) e bielas Pauter em titânio, com as medidas standard. O volante aliviado foi desenvolvido pela Eurospeed, assim como a bomba de óleo, que quebrava com a nova cavalaria e rotação. O cabeçote teve dutos equalizados e câmara de combustão trabalhada para nova taxa de compressão. As válvulas são Ferrea em inox, comandos duplos e trem de válvula original M3.

O motor que originalmente já possui 286cv chegou aos 980 com apenas 1,7bar de turbo. O kit turbo foi montado com coletor de escape em Inox, wastegate e blowoff Beep Turbo e uma turbina roletada da Turbonetics GTK1000 com rotor e eixo de 78mm, caixa fria .70 e caixa quente 1.32. O ar pressurizado passa por um gigante intercooler na grade frontal da M3 e é admitido por uma mufla que direciona o ar para o coletor original da M3 alemã com seis corpos de borboleta de 48mm.

A alimentação é feita por seis injetores Siemens Deka de 225lbs/h, usados menos de 75% da sua capacidade. O gerenciamento do motor é feito por um módulo Injepro SFI-PRO 6 e o módulo de ignição é um ISD 6 da mesma marca, as bobinas são originais do carro. Na linha de combustível, a bomba original alimenta um tanque Harwood no porta-malas onde a uma bomba Magnafuel 750 mantém a pressão para não dar falta quando vem a patada.

A transmissão é toda original BMW, porém o câmbio foi substituído por Getrag 6B de seis marchas, com diferencial 3.15 com bloqueio e pontas de eixo M performance. A suspensão tem recebeu amortecedores esportivos que trazem desempenho sem ter um carro extremamente rígido.

Por já ter um pedigree diferenciado e ser um carro construído para alta performance, diversos componentes já favorecem a preparação, principalmente quando o assunto é resistência. É dar na partida e usar, completamente domesticado quando necessário, porém extremamente assustador quando o sensor de posição da borboleta marca 100%. É tensão total, marcha após marcha, o ponteiro rompe os 200km/h em questão de segundos.

Além da velocidade vir rápido, a força que o corpo é pressionado contra o banco é instigante, com seus 100kgfm de torque. É um carro que você se impressiona e se surpreende a cada volta. O motor não acaba, não para de crescer, girando seus 9.000RPM ainda mostra que pode e quer mais!

Sem preguiça, sem frescura o negócio é acelerar!

Deixar resposta